Arquivo por Autor

Logo você ou Revisitando um pagodão

11 Outubro 2017

Quem se pinta de amigo a tinta com o tempo vai se desbotar
Com certeza vai dar mole e alguém vai desmascarar
Uma grande amizade é um pacto feito com sinceridade
Não oscila, não vacila
tem transparência e lealdade

Ser amiga, é o que eu fui pra você
Que não soube avaliar 
Já é tarde pra se arrepender
Nem precisa explicar que eu não quero ouvir
Eu acho que jamais te conheci

Logo você, logo você que era como irmão
Mesmo braba eu te dava razão, eu fechava contigo
Logo você que eu achei que podia contar
Seu barulho cansei de comprar
Já que você não me considerou
Não me venha com esse show
Não me chame de amiga

[retocando o pagodão do Xande de Pilares pra dizer que qualquer verossimilhança pode ser real]

Anúncios

Ameaça de extinção

23 Setembro 2017

A mulher e o fim do mundo
A mulher do fim do mundo
A mulher no fim do mundo

A mulher e o mundo
A mulher e o fim
E o mundo e a mulher
E o mundo e o fim
A mulher e o mundo
A mulher e o fim

A mulher e o fim do mundo
A mulher do fim do mundo
A mulher no fim do mundo.

A mulher e o mundo em fim.

[renatamar]

Feminicídio

22 Fevereiro 2017

Acordou
com ameaça de soco na cara
Acordou
com o pau entre as pernas
forçando
com cuspe
dividiam a mesma cama
ela era uma mulher
tinha que satisfazer
ameaçada.
Acordou
Cansada chorando
casa, menino, marido
trabalho, dinheiro, comida.

Acordou desacordada.

Acordou
em inquisição
Com quem sonhava?
Em quem pensava?
Com quem falava?
Ele precisava de atenção!
Acordou
cega, surda e muda.
Outra vez violentada
Mais uma vez silenciada
Não acordou não.